Comunidade Agni Yoga

INTRODUÇÃO

“Aquele que deseja saber nadar deve, sem medo, lançar-se à água. Aquele que decidiu conhecer a Agni Ioga deve transformar, através dela, toda a sua vida. Por que as pessoas pensam que podem conceder à Ioga uma parte das suas horas ociosas, permanecendo em pensamento impuro o resto do tempo? De fato, todas as ações devem ser permeadas pela purificante aspiração ardente.

Relembrai como Eu comecei convosco o conhecimento da Agni Ioga. Da mesma maneira, introduzi vossos discípulos na assimilação dos domínios da Ioga Ardente. Como escultores, começai a tocar a matéria bruta por todos os lados. Inesperadamente, incansavelmente, extraí as centelhas do fogo da vida da superfície do caos. Como o jogo da Mãe do Mundo alcança o poder nas curvas das espirais da energia de Fohat, assim, corajosamente, dai às pessoas toda a inesperada compreensão da unificação da vida, no conhecimento do Infinito.

Não presteis atenção aos vôos e mergulhos do espírito, pois estes podem ser somente os círculos das espirais do movimento. É pior a desatenção e a presunção constantes. Que a Agni Ioga guie pelo caminho da formação da chama, manifestando a imagem da eterna germinação das formações cósmicas.”

(Agni Ioga, § 163, parte)

 


APRESENTAÇÃO

“Da Índia, distante país da beleza, das conquistas espirituais e do grande pensamento, envio a vocês que estão reunidos em nome do grande trabalho e construção do futuro – saudações do coração!

Eu os chamo ao auto aperfeiçoamento e à conquista ilimitada.

O livro de novas descobertas e a luz da ousadia abrem-se diante da humanidade, e vocês já ouviram falar da aproximação da Nova Era.

Cada época tem seu Chamado, e a força motriz do Novo Mundo será à força do pensamento. É por isso que pedimos a vocês que compreendam o grande significado do pensamento criativo, e o primeiro passo nesta direção será a abertura da consciência, a liberação de todos os preconceitos e de todas as tendências e conceitos forçados.

Olhemos toda a imensidão do céu estrelado. Em nossos pensamentos sobrevoamos todos os inúmeros mundos e profundezas ocultas do espaço infinito. O pensamento é infinito em sua essência, e somente nossa consciência tenta limitá-lo. Portanto, sem demora, iniciemos o próximo passo – a expansão da consciência. ”

(Trecho da Carta de Helena Roerich para a América – 1929)


SOBRE A COMUNIDADE

Comunidade é um lugar comum a todos, vivendo em comunhão e fraternidade. É um grupo, de tamanho variável, integrado por pessoas que ocupam territórios geograficamente definidos e estão irmanados por uma mesma herança cultural e histórica, com o propósito de interagir e preservar essas raízes culturais. É uma forma de associação muito íntima, um grupo altamente integrado em que os membros se encontram ligados uns aos outros por laços de simpatia, cooperação e respeito mútuo.

Embasado nesses princípios de unidade e bem geral, o Instituto Roerich da Paz e Cultura do Brasil, com finalidade e objetivos definidos em Estatuto Social, responsável em divulgar o legado cultural Roerich no Brasil, resolveu criar o programa COMUNIDADE AGNI YOGA PARA OS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA para ampliar seu trabalho a fim de unir nossos irmãos de países de língua portuguesa através da cooperação cultural, fomento a Paz, ampliação da percepção da beleza e acesso ao ensinamento da Ética Viva.

A ideia é reunir estudantes, simpatizantes e todos aqueles interessados em conhecer a Agni Yoga.

A COMUNIDADE AGNI YOGA PARA OS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA é um grande Coração que objetiva reunir essas pessoas, virtual e/ou fisicamente para compartilhar experiências, conhecimento espiritual e ações para fortalecer a meditação, o ritmo, a paz e os valores humanos, criando uma atmosfera de Beleza e Entendimento entre todos os buscadores da luz.

São membros ou participantes: indivíduos e/ou organizações que estudam ou buscam a Agni Yoga como fonte de sabedoria e síntese do ensinamento.

Nesse período de Kali Yuga, onde uma grande transformação se processa são necessários a união e o incentivo a Paz, Beleza e práticas que nos inspire a mudança e aplicação dos ensinamentos no dia a dia, como a própria agni yoga incentiva.

As pessoas deverão sentir em seu coração a importância de estar inseridas na Comunidade, aceitando viver em comunhão, compartilhando estudos e experiências para enriquecer a comunidade de praticantes.


 

 

 

ÉTICA VIVA
CÓDIGOS DE CONDUTA POR GEORGE ROERICH

  1. Deve-se esquecer o passado; não se deve pensar em insultos infligidos a você. A coisa principal é a possibilidade de cooperação. Da mesma forma, as pessoas de um país deve esquecer os antigos insultos. O futuro é cheio de luz, e tudo deve ser feito para o bem desse futuro.
  2. Você deve construir uma ponte para o futuro, sem olhar para trás. Se você cometeu um erro, pensar sobre o que você deveria ter feito, então, e em seguida agir de acordo com a sua nova compreensão. Não lamente o passado. Relações mudam assim como mudam as auras também.
  3. A fim de desenvolver a habilidade mental para pensar, escolher um tema, contemplar todos os aspectos possíveis do mesmo, em comparação com outros temas. Aconselhar os outros a fazer o mesmo.
  4. Deve-se estudar a energia psíquica, observando suas manifestações e registrar tais observações.
  5. Deve-se observar toda a sua ação, mesmo a menos significativa, certificando-se que é consciente. Se eu pegar um livro, ou estender minha mão, isso deve ser feito de forma deliberada e conscientemente.
  6. Deve-se construir o seu código interno, ou regras de conduta, para ser usado como a sua orientação.
  7. A Ética Viva é uma norma de conduta, aplicada na vida.
  8. Escolha um momento de silêncio para o seu espírito, e, em silêncio, abrir seu coração para comando do Mestre. Faça isso várias vezes todos os dias. Às vezes, nossos próprios desejos bloqueiam a voz do Mestre.
  9. Se, de repente, um novo pensamento, ou um novo humor, ou uma nova emoção aparece, anotá-la; mais tarde, a resposta a esta vai manifestar-se na vida. Deve-se prestar especial atenção aos pensamentos que aparecem repetidamente.
  10. À noite, pensar sobre o que você fez hoje de acordo com o Ensinamento; não é sobre o que já está na sua natureza e está de acordo com o Ensinamento, mas o que você fez de acordo com o Ensinamento apesar de sua natureza.
  11. Autocontrole é o mais importante em tudo. Começamos muitas coisas boas, sem nunca completá-las.
  12. Quando se começa a estudar os Ensinamentos (Conhecimento), algo como condensação de sombras acontece. Manifestações de suas qualidades ruins ficarão mais fortes, assim como após o solo foi arado, ervas daninhas aparecerem. A reavaliação ocorre. Portanto, deve-se conhecer o seu caminho, e ser paciente.
  13. A conversa mais sincera é pessoal, olho-no-olho. É desta forma que as pessoas do Oriente preferem conversar.Não leiam juntos. Leiam separadamente, e partilhem seus pensamentos mais tarde.
  14. Nunca se deve exigir ou ordenar alguém para fazer alguma coisa; em vez disso, deve-se falar de tal forma que a outra pessoa entenda. Deve-se encontrar uma fórmula, uma forma de expressão, que seja aceitável para o outro.
  15. A melhor maneira de persuasão é a do exemplo pessoal.
  16. É muito importante saber como encontrar as palavras certas para não inflar o ego. Caso contrário, em vez de ajudar, pode piorar as coisas.
  17. Aquele que guia deve ser sensível o suficiente para ver se o outro tem fogo e energia suficiente nele para o seu desenvolvimento futuro. Cada um que vem se aproximando traz consigo o seu próprio carma; e antes que ele seja aceito, é necessário saber quem ele é.
  18. O que se deve fazer? Tendo em mente as presentes condições e possibilidades, deve-se tentar falar de forma compreensível para os outros. “Através da ciência, das artes, e da moral, deve influenciar o seu entorno e elevar o entusiasmo e heroísmo em outros. É necessário sempre e em tudo apoiar o entusiasmo, se for direcionado para o bem comum. ”
  19. Filósofos ocidentais proferem palavras nobres, mas levam vidas mundanas comuns. Os Orientais ao contrário, buscam aplicar imediatamente as ideias à própria vida.
  20. Seguindo as formas ocidentais, dificilmente se pode libertar de seus erros. Os modos ocidentais aconselham o arrependimento, mas isso só cria correntes. Pelo contrário, o Oriente não habita em erros, mas imediatamente, com todo o seu ser, tenta viver corretamente.

 

 

 


EIXOS NORTEADORES DA COMUNIDADE

  • Paz

“Onde há Paz, há Cultura. Onde há Cultura, há Paz! ”

Nicholas Roerich

Além do seu gênio artístico, Roerich é um dos ardorosos entusiastas da causa da paz mundial. Ele sonha com uma paz internacional através da arte e da beleza. Ele diz – “Arte é criar beleza, através da beleza nós unimos e através da beleza nós oramos”.

E de fato, naquela época, Roerich sonhava com a paz e sonhava também com um plano para a preservação de todos os grandes tesouros da criatividade humana e instituições culturais em todo o mundo, em tempo de guerra e de paz.

A Bandeira da Paz é o símbolo de proteção do patrimônio cultural da humanidade e fortalece todas as conquistas culturais da humanidade.

(Extraído do livro O Prazer de Servir)

  

  • Beleza

“A arte unifica a humanidade. A arte é una e individual. A arte tem muitos ramos, mas sua raiz é única. A arte é a bandeira da síntese vindoura. A arte é para todos. Cada um sente a verdade da beleza. Os portões da fonte sagrada devem ser abertos para todos. A luz da arte ilumina incontáveis corações com novo amor. Inicialmente este sentimento vem inconscientemente, mas depois ele purifica toda a consciência humana. E como tantos corações jovens estão procurando algo belo e verdadeiro! ” Nicholas Roerich

“Como despertar a devoção? Pelo ajustamento ao objetivo. Como melhorar a qualidade? Pelo respeito à maestria. Como despertar a criatividade? Pelo desejo do belo. (Agni Ioga, § 67)

 

  • Conhecimento

“Não se deveria pensar que em algum lugar já se tenha feito o bastante pela educação. O conhecimento se espalha por tal extensão que uma constante renovação dos métodos se requer… O conhecimento é o caminho para a alegria, mas a alegria é uma sabedoria especial. ”

 Jbrid, 342 K. P. Radmanabhan

 

  • Meditação

“A Ioga, como ligação suprema com as consecuções cósmicas, existiu durante todas as épocas, Cada Ensinamento compreende sua própria Ioga, aplicável ao grau de evolução. As Iogas não se contradizem entre si: como ramos de uma árvore, estendem sua sombra e refrescam o viajante fatigado pelo calor.

Recuperadas as suas forças o viajante continua o caminho. Ele nada tirou que não lhe pertencesse, nem se desviou de sua aspiração. Ele aceitou a manifestação da graça do espaço, libertou as forças predestinadas e tomou posse de sua única propriedade.

Não eviteis as forças da Ioga; mas, como luz, deixe-as penetrar a penumbra do labor não conscientizado.

Para o futuro, nós despertamos do sono. Para o futuro, renovamos nossas roupagens. Para o futuro, nós nos alimentamos. Para o futuro, aspiramos em nosso pensamento. Para o futuro, reunimos forças.

Primeiramente, aplicaremos os conselhos da vida e depois, pronunciaremos o nome da Ioga vindoura. Ouviremos os passos do elemento do fogo, mas já estaremos preparados para dominar as ondulações das chamas.

Portanto, saudemos a Ioga mais antiga – a Raja Ioga – e afirmemos a futura – a Agni Ioga. ”  (Agni Ioga – 1929)

“Após os trabalhos do dia, reunamo-nos para conversar acerca do Coração. Ele nos conduzirá através dos domínios da Terra para o Mundo Sutil, a fim de nos aproximar da esfera do Fogo. ” (Coração – 1932)


OBJETIVOS

a) integrar e unir os diversos estudantes e grupos de estudos que existem nos países de língua portuguesa;

b) fortalecer o estudo, a pesquisa e a meditação para expandir a cultura, paz, arte, beleza e a cooperação com a natureza;

c) desenvolver ações que estimulem a criatividade e a prática da Agni Yoga.


ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

 

  1. Círculos de Estudos e Meditação Agni Yoga de… – CEMAY, que quando implantado receberá o nome da Cidade em que o integrante habita. É vinculado ao Instituto Roerich Brasil, até que se estabeleça as condições necessárias de estrutura formal de filial no local de nascimento;
  2. Círculo Interno de Agni Yoga – Estudos e Meditação: quando implantado formalmente a filial, o Circulo será implementado para os membros da instituição objetivando aprofundar os estudos e pesquisas sobre agni yoga, fortalecendo o elo de energia e cooperação entre os membros do Instituto Roerich.
  3. Amigos da Agni Yoga AMAY., surgem em organizações que queiram estabelecer parcerias com o Instituto Roerich, objetivando incluir o ensinamento da agni yoga para os membros da associação.
  4. Formas de comunicação: e-mail-grupo; página no facebook; grupo no whatsapp.

ay-im1

CIRCULOS DE ESTUDOS E MEDITAÇÃO AGNI YOGA

Finalidade

Desenvolver estudos e meditação sobre Agni Yoga, realizando atividades integradoras que possam ampliar a percepção e florescimento da ética viva, valores humanos e virtudes, fortalecendo a Comunidade de Agni Yoga.

 

Objetivos

a)Estudar cartas, artigos e livros escritos por Nicholas e Helena Roerich sobre educação, cultura, paz e agni yoga;
b)Promover minutos de meditação e silêncio;
c) Promover o desenvolvimento da criatividade, experiências de paz e ações para melhoria da qualidade de vida, incentivando o aperfeiçoamento interior.

Público-alvo

Aberto para todas as pessoas que buscam paz e o conhecimento sobre a Agni Yoga.

Metodologia

– Aulas expositivas, teórico-vivencial;
– Exibição de slides das pinturas de Nicholas;
– Meditação, música e experiência de silêncio;
– Reflexão em grupo;
– Equipes de estudos;
– Vivências e programação cultural para integração dos participantes.

Periodicidade

De acordo com a cultura de cada país, com horário definido oportunizando a participação do público.

ay-im2

 

Mensagem

“A não ser que entendamos que deve haver refinamento na qualidade, nunca avançaremos no crescimento cultural. E como podemos falar de refinamento de consciência e cultura, se não conseguimos compreender o que aquilo significa?
Devemos procurar servir a melhor qualidade. Só assim podemos servir à cultura”.

Carta de Helena Roerich de 21/08/1931


AMIGOS DA AGNI YOGA – AMAY

 

 ay-im3

 

 

Finalidade

Desenvolver estudos e meditação sobre Agni Yoga, a fim de enriquecer o trabalho da instituição, incentivando práticas de Paz, Ética e Cultura no cotidiano dos estudantes, fortalecendo a Comunidade de Agni Yoga.

Objetivos

a)Estudar cartas, artigos e livros escritos por Nicholas e Helena Roerich sobre educação, cultura, paz e agni yoga;
b)Promover minutos de meditação e silêncio;
c) Promover o desenvolvimento da criatividade, experiências de paz e ações para melhoria da qualidade de vida, incentivando o aperfeiçoamento interior.

Público-alvo

Membros da organização interessada em estabelecer parceria.

Periodicidade

Definida pela direção da organização parceira.

Mensagem

“Aquele que deseja saber nadar deve, sem medo, lançar-se à água. Aquele que decidiu conhecer a Agni Ioga deve transformar, através dela, toda a sua vida. Por que as pessoas pensam que podem conceder à Ioga uma parte das suas horas ociosas, permanecendo em pensamento impuro o resto do tempo? De fato, todas as ações devem ser permeadas pela purificante aspiração ardente. ”

(Agni Ioga, § 163, parte)

 

CONTATO

Email: [email protected] 

salvador

Salvador/Brasil – Sede Central

 


 

 

 

 

BOLETIM AGNI YOGA – WHITE MOUNTAIN

Os Boletins Agni Yoga são elaborados pela organização White Mountain Education, trimestralmente. Essa instituição concedeu direitos de tradução para o português ao Instituto Roerich da Paz e Cultura do Brasil. Acesse os boletins e bom estudo.

Clique nos links a seguir para visualizar as publicações:

PUBLICAÇÃO BOLETIM DO TRIMESTRE JUL, AGO E SET 2017

PUBLICAÇÃO BOLETIM DO TRIMESTRE ABL, MAIO E JUNHO 2017

PUBLICAÇÃO BOLETIM DO TRIMESTRE JAN FEV, E MARÇO 2017

BOLETIM DO TRIMESTRE REFERENTE A OUTUBRO, NOVEMBRO E DEZEMBRO NO SITE DA WHITE MOUNTAIN FOUNDATION

 

 

© 2015 - Instituto Roerich da Paz e Cultura do Brasil | Desenvolvido por Tronux Tecnologia e Comunicação